Message:

Security Code:

Name:

Selagens e Top Coats – Electrofer 4 Selagens e Top Coats |

Selagens e Top Coats

Selagem Reactiva

Processo de acabamento final, tabém chamado de Selagem Inorgânica, aplicado após a Passivação. Tratam-se de soluções com base em Silicatos de Sódio, Potássio ou Lítio que podem ser aditivadas com Nanopartículas de Dióxido de Silício para maior performance.

Funcionam reagindo quimicamente com a camada de Passivação, selando as microfissuras nela existentes e conferindo maior coesão e impermeabilidade à camada selada.

A presença de Nanopartículas de Dióxido de Silício vem acrescentar um efeito cicatrizante que amplia a protecção conferida.

A maioria destes processos possui ainda uma pequena componente orgânica, normalmente epoxida, que permite uma cobertura orgânica extra sobre a Passivação selada. Neste caso pode dar-se a designação de Selagem Organo-Mineral.

Este tipo de processos permite um acréscimo de resistência à Corrosão Branca em teste de Nevoeiro Salino que pode ir das 100 ás 200 horas.

 

Top Coats

Os Top Coats são normalmente soluções coloidais de polímeros orgânicos (Epoxy, Polietileno, etc.) que permitem a deposição de uma camada orgânica sobre a camada de Passivação. Essa camada orgânica, também chamada Verniz, vai funcionar como barreira isolante, aumentando a resistência  anticorrosiva total.

A espessura da camada aplicada pode variar entre os 0,3 e os 2 micra consoante a natureza e concentração do agente orgânico utilizado. Normalmente a uma maior espessura vem associada uma maior protecção anticorrosiva.

Podem ser aditivados com Agentes Reductores do Coeficiente de Fricção, também chamados Agentes Deslizantes, sendo esta situação muito solicitada para peças de montabilidade como parafusos, porcas e peças de deslizamento.

Podem, também, ser aditivados com corante de cor negra para aplicação sobre Passivações negras, homogeneizando e aprofundando a coloração final obtida.

 

Selagens e top coatsselagens e top coatsSelagens e top coatsSelagens e top coats